Contenção ortodôntica removível, o que sabemos?

2474
Contenção ortodôntica

Praticamente todos nós usamos alguma maneira de contenção ortodôntica após o tratamento de nossos pacientes. É uma maneira de tentar preservar o nosso trabalho e de tentar evitar algo que é natural do nosso corpo, a mudança.

Mas será que existe uma contenção melhor que a outra? Existe evidência sólida que pode nos dizer por exemplo se a contenção deve ser usada de maneira integral ou não?

O assunto de hoje é contenção ortodôntica! E para tentar abordar esse assunto (um pouco controverso) vamos tentar usar algumas revisões sistemáticas.

A necessidade de contenção é aceita universalmente, mas o tipo de contenção e o protocolo a ser seguido já é uma história bem diferente.

Hawley ou acetato?

Evidência científica ortodontia
Nível de evidência

As duas formas de contenção da arcada superior mais utilizadas são a clássica contenção de Hawley criada em 19191 e a contenção termoplástica de acetato criada em 1971.

Uma revisão sistemática de 2014 2 mostra que não existe evidência para afirmar que uma contenção é preferível a outra. Não há diferença significante nas alterações da distância intercanina e intermolares quando os dois tipos de contenção são comparados.

Esse artigo também mostra que não há evidência de que uma contenção seja melhor nos quesitos quantidade de contatos interdentais, satisfação do paciente, custo benefício e tempo de sobrevivência dessas contenções.

Contenção ortodôntica: uso integral ou noturno?

Evidência científica ortodontia
Nível de evidência

Uma outra revisão sistemática 3 procurou responder se o uso integral ou somente noturno de alinhadores termoplásticos influencia a eficiência da contenção através do índice de irregularidade de Little, largura entre caninos, entre molares e comprimento do arco.

Infelizmente dos poucos artigos elegíveis para essa revisão, apenas um acompanhou os pacientes por um ano, porém, os primeiros meses geralmente tendem a ser os meses em que os pacientes estão mais propensos a recidiva. Os autores concluíram que há um nível moderado de evidência de que não há diferença entre usar os alinhadores somente a noite ou diuturnamente.

Qual dura mais? Hawley ou acetato?

Evidência científica ortodontia
Nível de evidência

Os dois tipos de contenção têm um índice de falhas relativamente baixo4, sendo entre 8,3% e 17% para contenção de acetato e 11,6% para Hawley.

Resumindo: os dois tipos de contenção têm uma boa durabilidade.

E qual o paciente prefere?

Evidência científica ortodontia
Nível de evidência

Um estudo 5 avaliou três aspectos que são bem relevantes do ponto de vista do paciente: desconforto, constrangimento e custo.

  • Desconforto: Tanto a placa de Hawley quanto a de acetato apresentaram níveis similares de desconforto (boa parte dos pacientes relatou desconforto ocasional).
  • Constrangimento: Pacientes que usaram Hawley relataram mais constrangimento causado pela placa quando usada em ocasiões sociais (17% Hawley contra 7% acetato).
  • Custo:Essa parte é um pouco mais complicada pois o estudo foi feito no Reino Unido, onde a saúde pública arca com parte dos gastos da fabricação dos retentores, além dos valores e da moeda serem diferentes. Não entrando em questão de valores específicos, a contenção Hawley foi 30% mais cara para o ortodontista do que o acetato. Para o paciente, os valores foram similares (levando em conta deslocamentos para o consultório devido a reparos da contenção e tempo perdido em outras atividades devido a esse deslocamento.

E então? Hawley ou acetato?

Apesar de termos bons estudos em alguns pontos relevantes na hora de decidir por um tipo de contenção, ainda falta evidência de qualidade no aspecto mais importante, a eficiência de cada uma. Talvez esse seja o principal ponto na hora de ajudarmos nosso paciente a decidir o tipo de contenção a ser utilizado no final do tratamento.

Eu pessoalmente não acho que exista evidência para dizer que uma contenção é realmente melhor que a outra. O mais importante é fazer o paciente realmente usar a contenção e manter um bom acompanhamento após o tratamento ortodôntico.

E o que você acha? Qual contenção você prefere? Participe da discussão!

 

 

 

 

Alexandre da Veiga Jardim
Cirurgião-dentista, especialista em ortodontia pela ABO-GO e mestrando em ciências da saúde pela UFG.
  1. Hawley CA. A removable retainer. Int J Orthod 1919;5:291-305
  2.  Wenjia M et al. Comparison of vacuum-formed and Hawley retainers: A systematic review. Ajodo 2014;145(6):720-27
  3. Kaklamanos et al. Performance of clear vacuum-formed thermoplastic retainers depending on retention protocol: a systematic review. Odontology. 2016
  4. Al-Moghrabi A, Pandis N, Fleming PS. The effects of fixed and removable orthodontic retainers: a systematic review. Progress in orthodontics. 2016. 17:24
  5. Hitchens et al. Cost-effectiveness and patient satisfaction: Hawley and vacuum-formed retainers. Eur J Orthod. 2007;29(4):372-8.

Comentários

comentários