É possível usar o aparelho ortodôntico para extrair um dente?

1551
extração ortodôntica

A postagem de hoje vai responder a duas perguntas:

  1. É possível usar o aparelho ortodôntico para extrair um dente?
  2. Por quê alguém iria querer fazer isso afinal?!

Extração ortodôntica

É sim possível usar o aparelho para extrair um dente. O nome desse procedimento é extração ortodôntica.

Para fazer a extração ortodôntica seu ortodontista irá tracionar seu dente (puxar no sentido para fora do osso) lentamente, usando apenas forças leves do próprio aparelho ortodôntico. É normalmente um procedimento lento, levando vários meses para acontecer e a única dor é a da própria movimentação ortodôntica.

Em boa parte dos casos a coroa desse dente terá que ser desgastada para que ele não encoste no dente da arcada oposta e cause incômodos ao paciente. Justamente por isso, com frequência é necessário que seja feito o tratamento de canal desse dente pois os desgastes vão gerar sensibilidade e provavelmente a necrose da polpa a medida que se tornam mais profundos.

A parte final da extração ortodôntica é muitas vezes feita cirurgicamente, quando sobra apenas um remanescente da raiz do dente no osso.

E por quê fazer isso?

Extração ortodôntica: por que?

A grande vantagem da extração ortodôntica é que ao tracionarmos o dente de maneira lenta, o mesmo é acompanhado pelo osso e pela gengiva que o cerca.

Esse procedimento é especialmente indicado em algumas situações, afinal é relativamente mais simples para o paciente apenas fazer a extração cirurgicamente, em uma única sessão.

Uma dessas situações é na recuperação de osso para implantes. O osso é essencial para que o implante seja bem sucedido. Em casos que o paciente apresenta uma perda deste osso e por algum motivo é indicada a extração deste dente, podemos usar a extração ortodôntica para tentar ganhar um pouco de osso para a instalação do implante.

A extração ortodôntica também pode melhorar o aspecto da gengiva. Dentes que foram fraturados e têm indicação para serem extraídos podem apresentar necessidade futura de enxerto gengival (cirurgia na qual se tenta “preencher” a gengiva) para melhorar o aspecto estético da prótese futura. Nesse momento, a extração ortodôntica pode ser uma opção para ajudar a obter um resultado estético mais satisfatório.

Alexandre da Veiga Jardim
Cirurgião-dentista, especialista em ortodontia pela ABO-GO e mestrando em ciências da saúde pela UFG.

Comentários

comentários