Cirurgia de benefício antecipado: o que sabemos?

655

Essa semana participei de uma matéria junto com o cirurgião buco-maxilo-facial Luciano Engelman em seu Podcast Buco. O tema foi Cirurgia de Benefício Antecipado, dados baseados em evidência recente.

O que é cirurgia de benefício antecipado?

A cirurgia de benefício antecipado é uma técnica relativamente nova (apesar de ser um conceito antigo, de 1959), onde a cirurgia é realizada nas primeiras etapas do tratamento orto-cirúrgico. Alguns benefícios são relatados pelos adeptos da técnica, como maior satisfação e cooperação do paciente e relatos de que a movimentação ortodôntica é favorecida principalmente pela osteopenia transitória causada pela cirurgia. Essa osteopenia é a redução da densidade do osso após um procedimento cirúrgico em uma região, que supostamente facilitaria a movimentação.

Saiba mais sobre a cirurgia de benefício antecipado no Podcast!

cirurgia de beneficio antecipado podcast

O que você deve ter em mente sobre o artigo:

Usei um artigo publicado esse ano no American Journal para a entrevista, Surgery First in orthognatic surgery: A systematic review of the literature1, de Pierró-Guijarro et al. Apesar de ser uma revisão sistemática, algumas coisas devem ser observadas antes de interpretar os resultados.

cirurgia de beneficio antecipado

Foram selecionados 11 artigos de 2010 a 2014, a maioria deles tratando da Classe III e todos da Ásia (apenas um da Espanha). Isso é interessante de observar, pois os pacientes nos estudos podem diferir bastante dos seus (a menos que seu consultório seja no Bairro da Liberdade).

Primeiro, a pesquisa buscou artigos com baixo nível de evidência. O que por um lado não é culpa dos autores, pois não existem estudos controlados bem feitos sobre o assunto. Como a maior parte dos estudos sobre essa técnica são relatos de caso, séries de casos e caso-controle, o leitor deve ser bem crítico dos resultados, pois são estudos de evidência científica um pouco menor.

Segundo, o follow-up dos estudos foi muito pequeno. A maioria apenas acompanhou os pacientes até a remoção do aparelho após o final do tratamento. Apenas um estudo acompanhou os pacientes por 3 anos. Então não sabemos como é a estabilidade dos casos a longo prazo.

Então, escute o podcast tendo em mente que a cirurgia de benefício antecipado é um procedimento ainda novo, experimental e com pouca evidência científica.

Isso quer dizer que é ruim?

Não. Apenas que há muita incerteza sobre o assunto e que devemos ter cautela quanto a isso.

Alexandre da Veiga Jardim
Cirurgião-dentista, especialista em ortodontia pela ABO-GO e mestrando em ciências da saúde pela UFG.
  1. Pierró-Guijarro MA, Guíjarro-Martinez R, Henandéz-Alfano F. Surgery first in orthognathic surgery: A systematic review of the literature. Ajodo, 2016;149;448-62

Comentários

comentários

Deixe uma resposta